9 de março de 2017 em Saúde

Atividade educativa de sensibilização e atualização para combate ao Aedes Aegypti

(Foto: Melquisedec/Assessoria de Comunicação Social)


O evento aconteceu na última segunda-feira (20) e reuniu grande parte dos ACS – Agentes Comunitários de Saúde do Município de Missão Velha, no intuito de sensibilizar estes profissionais sobre a importância de combater o mosquito Aedes Aegypti em nossa cidade. Vale ressaltar que a participação do ACS na campanha é de suma importância, haja vista que os mesmos já são conhecedores das aéreas críticas das comunidades, assim como das residências que representam potencial foco do mosquito devido ao acumulo de lixo em quintais ou hábitos de risco que ocasionam acúmulo de água das chuvas.

No ano passado ocorreram 166 casos notificados de dengue, 8 casos notificados de Chikungunya e 02 casos de microcefalia associado ao Zika Vírus. A coordenadora da Vigilância epidemiológica do município Karol Carneiro, enfatiza ainda a questão das subnotificações, ou seja, pessoas que tiveram essas doenças mas não foram notificadas por não procurarem os serviços de saúde. Ela ressalta em seu discurso a importância dessas notificações para o município receber subsídios de campanha do estado, como carro fumacê e venenos específicos para borrifações de bloqueio.
A meta para este ano é reduzir os focos do mosquito, diminuir o número de casos das 3 arboviroses, otimizar as notificações dos casos, evitar agravamento dos quadros através do adequado manejo clinico dos pacientes afetados e orientar as gestantes sobre as formas de se proteger do mosquito evitando novos casos de microcefalia.

Embed HTML not available.

© Prefeitura Municipal de Missão Velha Ceará. Todos os direitos reservados.